Procurar

Partida

Passageiros

Classe Cabine

  • Verificar preço (novas janelas)

Voos baratos Madrid

Madrid, ir para fora tão perto

Madrid, a capital espanhola, é uma das maiores cidades da União Europeia, tanto em área como em população. As suas infraestruturas modernas em harmonia com os seus edifícios e ruas históricas bem conservados não deixam antever a antiguidade desta cidade que remonta a antes do séc. XI.

O seu clima mediterrâneo temperado, semelhante ao de Portugal, assim como a proximidade linguística e de costumes fazem com que quem a visita vindo de Portugal se sinta em casa. É talvez também uma das poucas cidades europeias onde, mesmo nos meses mais cinzentos, se podem apanhar alguns dias de sol.

Para quem parte de Lisboa, ir a Madrid pode demorar quase o mesmo tempo e custar quase o mesmo do que ir para o norte de Portugal. Durante todo o ano há voos baratos para o aeroporto de Barajas e a viagem demora pouco mais de uma hora, o que torna a cidade o destino perfeito não só para umas férias curtas, como para uma escapada de fim de semana.

Como cidade moderna que é, e pela sua dimensão, conta com um desenvolvido sistema de transportes que permitem a deslocação rápida por toda a cidade. O metro é um melhores meios de deslocação. Não se deixe intimidar pela complexa trama de linhas coloridas que o constituem, a sua navegação é bastante simples e o serviço muito eficiente.

Ir a Madrid e ver o Prado

Ir a Madrid e não ver o Prado é, como se costuma dizer, «Ir a Roma e não ver o Papa». Este museu contém uma das melhores coleções de arte da Europa, contando com obras de Goya, Velázquez e Rubens. Se ainda não está a arrumar as malas para partir, então falemos do museu Rainha Sofia. Este museu é dedicado principalmente aos artistas espanhóis, contando com obras dos dois maiores mestres da pintura do século XX: Picasso e Dalí. É aqui que reside o famoso Guernica, o quadro de Picasso alusivo ao bombardeamento de Guernica pelos Alemães e Italianos durante a Guerra Civil espanhola.

Estes dois museus formam, juntamente com o museu Thyssen-Bornemisza, o Triângulo Dourado da Arte, pela maneira como estão dispostos e pelo facto de serem complementares, no sentido em que são dedicados a diferentes correntes artísticas.

Ao ar livre

Embora a pintura e os museus sejam um dos pontos fortes da cidade, também ao ar livre se podem ver obras de arte. Uma delas, o Palácio Real, apesar de ser a residência oficial do Rei, não está a ser usado como tal, pelo que contém diversas áreas abertas ao público, exceto nas alturas em que está reservado para eventos oficiais. É rodeado por áreas verdes, sendo os jardins de Campo del Moro os mais românticos. A sua vegetação densa esconde diversas preciosidades, como estátuas, fontes, vários ornamentos em pedra e pequenos chalés.

Depois de passear pelos vinte hectares que constituem estes jardins, é hora de repor as energias provando um cocido madrileño, um prato constituído por grão de bico, carne e enchidos de porco e vegetais cozidos. Acompanhe com um dos vinhos da zona e prepare-se para ir conhecer a vida noturna, principalmente a da zona mais alternativa da Malasaña, ou não seja este o local onde nasceu a Movida.

mais

Os voos mais baratos para Madrid de...

a partir de 36 € ida e volta

 Madrid Oportunidades

Hotéis em Madrid

Car hire in Madrid

Imagens por Flickr/trioptikmal